Nutrigenômica: a dieta para o seu DNA

30
Mai
Nutrigenômica: a dieta para o seu DNA

Nutrigenômica: a dieta para o seu DNA

Uma dieta que é boa para uma pessoa, provavelmente não tem o mesmo efeito em outra. Isso porque cada organismo é único, com necessidades nutricionais, deficiências e metabolismos diferentes. E quem determina essa diversidade é o DNA. Justamente por isso muitos nutricionistas já aderiram aos princípios da nutrigenômica.

Nutrigenômica é o campo da ciência dos alimentos que estuda a interação dos nutrientes na expressão gênica. Assim, permite conhecer o mecanismo de ação das substâncias biologicamente ativas contidas nos alimentos, e seus efeitos benéficos para a saúde humana. Desde modo, fornece meios para prevenir e tratar o desenvolvimento de doenças por meio da alimentação.

Neste contexto surgiu à dieta do DNA, baseada em resultados de um exame de mapeamento genético, que é realizado a partir de amostras de saliva. O resultado permite traçar o perfil alimentar da pessoa, detectando como é metabolizado o carboidrato, a gordura, a proteína, além de indicar as deficiências e necessidades de suplementação nutricional de vitaminas e minerais. O laudo também mostra a sensibilidade a alguns nutrientes como, a lactose, cafeína, álcool e sódio, e quais as doenças que o paciente tem maiores chances de desenvolver.

Dessa forma, o teste permite identificar características individuais importantes, que fazem toda diferença para montar um plano alimentar personalizado, conforme as peculiaridades e necessidades de cada pessoa, e assim conseguir alcançar os objetivos dos pacientes de uma forma mais eficaz, seja na perda de peso, hipertrofia ou na prevenção de doenças.

Contudo, como ainda é um campo novo da nutrição, o profissional precisa fazer uma capacitação e estudar mais sobre esta área de nutrigenética antes de começar a utilizar este teste.

Renata Gomide - Consultora Nutricional do Dietpro

Compartilhe este post

(31)3892 7700
Rua Verano Faria, 53 Centro
Viçosa MG - 36570000
Close